Menu

Senta que lá vem a história – Contra

Quem lembra do primeiro jogo de tiro que jogou? aonde tudo explodia, tudo e todos tentavam te aniquilar? Tenho certeza que os mais velhos vão lembrar deste jogo alucinante e dificílimo!

Se você lembra ou não, de qualquer forma,

Senta que lá vem a história…

Contra foi um dos jogos mais inovadores na sua época, tendo no mesmo jogo várias perspectivas empregadas no mesmo jogo, usando e abusando da paciência e pericia dos jogadores, por que afinal, todo mundo perguntava e ai fechou contra? mais ou menos como te perguntariam alguns anos atrás, e ai teu PC roda Crysis?

História

Tudo começa no ano de 2633, quando uma facção criminosa (mafiosa, jaguara) se instala no arquipélago de Galuga na Nova Zelândia, com um plano maquiavélico de conquistar o mundo (O que vamos fazer essa noite Cérebro?). Maaasss os dois fuzileiros soldados de primeira classe, Bill Rizer e Lance Bean que fazem parte da Unidade Contra, um grupo de elite de soldados, especializados em guerrilhas, são enviados para a tal base inimiga, sozinhos, sem camisa, apenas com seus rifles para tocar o terror nos planos da organização Red Ribbon  Red Falcon.

Cronologia e versões

O primeiro jogo da série foi o clássico lançado primeiramente para Arcade e depois portado para os consoles da época, tendo seu maior sucesso em sua versão para o querido nintendinho.

Além das várias perspectivas, que incluíam um pseudo 3D, você poderia jogar de forma cooperativa, com um coleguinha, aonde cada um controlava seu Soldado.

Cada personagem começava a jogatina com um rifle com munição infinita que durante o jogo sofriam upgrades, adquiridos através dos blocks voadores, matando certos inimigos e alguns blocos durante o percurso, Laseres, Lança-chamas, Metralhadoras e uma espécie de spray que atirava 5 projéteis para todas as direções.

A grande popularidade do jogo veio do modo cooperativo, coisa que era rara na época. Por que afinal quem não iria querer a ajuda de seus amigos pra tocar o terror nas fases bonitas, num jogo bem feito e difícil também.

O jogo foi sucedido por Super Contra (também consagrado no NES) já no ano seguinte, com novas fases, porém, descartando as fases em pseudo 3D e incluindo uma visão aérea em algumas fases.

A jogabilidade e personagens são os mesmos do consagrado primeiro game.

Em 1991, foi a vez do portátil Game boy receber Operation C, game protagonizado por Bill Rizer sozinho. Ao longo dos 5 estágios você terá que abrir caminho até as fundações de uma base secreta e destruir uma célula alienígena. As fases também variam em suas perspectivas, side-scrolling e aérea.

Contra III: Alien wars trouxe toda a ação, tiros, bombas, explosões e milhares de inimigos pela primeira vez em 16 bits, aproveitando toda a paleta de cores e avanços tecnológicos do Snes. Uma nova leva de inovações foram introduzidas nesse game, como a possibilidade de se agarrar nas paredes, tetos e alguns postes e andar agarrado neles, além de poder destruir alguns itens do cenário, a velocidade do game também foi alterada aumentando o nivel de ação na tela.

Uma das pérolas do jogo fica por conta da seleção de dificuldade, aonde estão disponíveis os 3 níveis costumeiros, easy, normal e hard. Aonde se você fecha o game no nível fácil será possível recomeçar o game no nível normal sem perder seu arsenal ou pontuação e o mesmo acontece com o fechamento no modo normal, aonde você terá o nível real do jogo com o modo Hard, aonde várias coisas mudam, como os chefões com novos ataques e o final verdadeiro do jogo aonde o ultimo Boss sofre uma última transformação e você tem que correr atrás dele e elimina-lo de uma vez por todas.

O jogo também conta com ações em motocicletas e surfe sobre misseis que apimentam ainda mais a jogatina.

Em 1994 foi lançado o primeiro jogo da série para consoles da SEGA, Contra Hardcorps que saiu para o Mega Drive.

O game conta com 4 opções de personagens, coisa nova na época e também a opção de múltiplos finais, 5 no total (haja jogador pra fechar 5 vezes u.u).

O jogo é muito bonito e bem feitinho como vocês podem ver em meu vídeo mais abaixo junto com outras informações do game.

Novas eras

Com o fim da era 16 bits a franquia passou por algumas mudanças para estrear nos consoles da então nova geração. A principal mudança foi o desenvolvimento externo pela Appaloosa Interactive, parceria que durou dois jogos, em 1996 Contra: Legacy of War e em 1998 The Contra Adventure os dois primeiros a receberem gráficos em 3D.

O primeiro título trouxe uma história fraca repescada dos jogos anteriores, aliando isso a uma jogabilidade esquisita e gráficos desagradáveis comparando aos seus antecessores.

Nem o fato do game vir com um óculos 3D para “aprimorar” a jogabilidade ajudou.

Com o segundo a história foi ainda pior, recebendo em sua grande maioria críticas desfavoráveis o jogo não agradou, culminando no fim da parceria da Konami com a Appaloosa.

O próximo jogo da série lançado no então novissimo PS2, Contra: Shattered Soldier trouxe novamente a séire para o Side Scroll. E apelou para uma história pesada para tentar se reafirmar e reganhar seu sucesso.

A trama traz Bill Rizer como um herói-vilão condenado a 10,000 anos de reclusão em uma prisão criogênica, após a culpa pelo quase fim do mundo recair sobre suas costas, como, a culpa pela morte dos eu amigo irmão camarada Lance Bean.

Maaasss como nem tudo são flores, 5 anos após seu encarceramento Bill é libertado como última esperança frente a nova ameaça da organização terrorista Blood Falcon, dai pra frente só jogando pra saber como tudo termina, aliás, jogar e muito, porque o jogo trouxe novamente os múltiplos finais que são ditados pelas suas ações durante o jogo.

Como não podia ser diferente o jogo dividiu opiniões, alguns gostaram da nova cara do jogo e alguns acharam estranho o retorno. Então só jogando pra decidir por si próprio.

Em 2004 foi lançado Neo Contra, jogo que nos trouxe novamente para o universo 3D, mas diferentemente dos títulos do PsOne, o jogo relembra os tempos de 8bits trazendo longas seção de “atire pra todos os lados” intercalados com alguns chefes no meio do caminho.

A história se dá no ano de 4444 quando a terra se transformou em um planeta prisão, lar de criminosos e rebeldes politicos. Desse cenário surgiu uma nova ordem chamada de neo contra, que pretende trazer de novo a civilização normal para o planeta.

A jogabilidade fica entre os jogos do Psone e shattered soldier, agradando a maioria dos que jogaram.

Títulos recentes

.

Em 2007 o nintendo DS recebeu Contra 4, jogo em 2D com side scrolling aonde você usa as duas telas do portátil para jogar, dando uma amplitude bacana para a jogabilidade.

O jogo presenteou os saudosistas com o retorno do Tunnel em pseudo 3D dos primeiros títulos.

O Wii recebeu por download Contra ReBirth, jogo em 2D com elementos dos games da era 16 bits.

Tanto Xbox 360 como o PS3 recebeream Hardcorps Uprising, jogo que conta a saga do coronel Bahamut, vilão do jogo do mega drive, antes dele se revoltar contra o mundo.

Contra: Evolution é um re-make do primeiro game lançado para Arcade e smartphones de 2013, além de uma melhoria gráfica o jogo traz a opção de pay-to-play aonde você se reforça e compra novas vidas.

Então galera, por hoje é isso, espero que tenham tido uma boa leitura, semana que vem tem de novo, nesse mesmo batcanal e no mesm bathorário.

Aquele abraço. E me sigam lá no twitter @efraimjer e também canal no youtube o Canal do polaco.

Ps.: Lembrando que alguns títulos clássicos estão disponveis na Xbol live, Psn e no Wii virtual console como também em seus smartphones.

Efraim
Fifa, CoD, Xbox, Flamengo, mangás, filmes de terror, livros e toneladas de games antigos e nostalgia!

One comment

  1. Paulo disse:

    Eu gostei mt deste jogo, só joguei as versões de 16 bits Super Nintendo.

Deixe uma resposta

Parceiros

Steam Brasil LoboLimão Centro RPG Lab Indie
Mundo Gamer PodTerror

Anunciantes

Aglomerando - Agregador de conteúdo
Uêba - Os Melhores Links GeraLinks - Agregador de links Piadas Idiotas - São idiotas mas o faz rir Tedioso: Os melhores links LinkLog MeusLinks.com - Informação e conteúdo todos os dias para você! Agregador de Links - Madruga Links 4Blogs - Agregador de conteúdo Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!